Quinta, 18 de Julho de 2024 01:39
75 9 9702 9169
Anúncio
Polícia Violência

Homem mata vizinho com pedras e pedaços de madeira; suspeito disse que crime foi motivado por dívida

Homicídio ocorreu em Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. Suspeito foi preso em flagrante após tentar fugir.

11/07/2024 08h32
Por: Karoliny Dias Fonte: G1 Bahia

Homem foi morto com golpes de pedra e pedaços de madeira em Feira de Santana — Foto: Reprodução/TV Subaé

Uma briga entre vizinhos terminou em morte em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador. Segundo informações da Polícia Civil, a vítima é Luís Cláudio Ramos da Silva, de 42 anos.

O homicídio ocorreu na terça-feira (9), em uma residência localizada no Caminho 11 do Conjunto Feira V, no bairro de Mangabeira. O suspeito usou pedras e pedaços de madeira para matar o vizinho.

A TV Subaé, afiliada da TV Bahia na região, apurou que os dois também eram amigos antes da briga. À polícia, o suspeito confessou o crime e revelou que a motivação foi uma dívida relacionada à compra de drogas.

Ele tentou fugir, mas foi detido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nas imediações da Avenida Anel de Contorno. O homem foi autuado em flagrante e segue à disposição da Justiça.

Morte no norte da Bahia

Um caso semelhante ocorreu em Cansanção, no norte da Bahia, no fim de semana. No sábado (6), um homem foi preso, suspeito de matar um colega de trabalho a pedradas.

De acordo com informações apuradas pela TV São Francisco, afiliada da TV Bahia na região, com a Polícia Militar da cidade, os homens tiveram uma discussão na residência em que moravam com outros colegas de trabalho.

Segundo a PM, o suspeito havia sido agredido no rosto pela vítima durante a briga, e para revidar, atingiu a cabeça dela com uma pedra.

O homem confessou o crime para os policiais militares e foi encaminhado para a delegacia de Senhor do Bonfim, onde segue à disposição da Justiça.

Homem foi morto a pedradas no norte da Bahia — Foto: Reprodução/TV São Francisco

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para realizar perícia e encaminhar o corpo da vítima para o Instituto Médico Legal (IML) de Senhor do Bonfim, para passar por necropsia.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.