Terça, 16 de Agosto de 2022 20:07
75 9 9702 9169
Polícia Acidente

Familiares de jovens mortos na Estrada da Jaíba fazem manifestação no Complexo Policial

Acidente matou Wiliane Azevedo de Jesus, 16 anos, o irmão dela, Ronald Soares dos Santos, de 7 anos, e o namorado da jovem Rafael dos Santos Gonçalves, de 17.

02/08/2022 11h29
Por: Karoliny Dias Fonte: Boca de Forno News

Um acidente de moto matou, na noite deste domingo (31), três jovens na BA-503, Estrada de Jaíba, em Feira de Santana. O acidente envolveu duas motocicletas e um carro. As vítimas foram identificadas como Wiliane Azevedo de Jesus, 16 anos, o irmão dela, Ronald Soares dos Santos, de 7 anos, e o namorado da jovem Rafael dos Santos Gonçalves, de 17.

O homem que estava dirigindo o carro, um Fiat Strada, o açougueiro Adalto Roberto da Silva Júnior, 23 anos, é morador de Coração de Maria. Adalto já está preso. Isso porque, segundo informações de populares, ele estaria embriagado no momento do acidente.

Os familiares das vítimas foram ao Complexo Policial Investigador Bandeira. Carla Azevedo, mãe de Ronald e Wiliane, pediu que o acusado permaneça preso. “Queremos justiça. O que ele fez não é coisa de um ser humano. Além de matar os três, ele ainda foi tentar bater nas outras vítimas que ficaram vivas. Se não houvesse um vizinho no local ele teria batido”, disse.

As famílias estavam fazendo uma manifestação. “O que queremos é que ele mofe na cadeia”.

André, também um dos familiares, que esteve conversando com o delegado Fabrício Linardi, disse que realmente Adalto estava alcoolizado e já responde a outros inquéritos. “Ele me disse que todos os trabalhos foram feitos e que agora é só aguardar. Acreditamos que ele seja condenado. Que a justiça deixe ele preso. Vamos correr atrás e ele vai pagar por esse crime”.

Com informações do repórter Carlos Valadares

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.