Quarta, 22 de Setembro de 2021 08:44
75 9 9842 0146
Dólar comercial R$ 5,27 0%
Euro R$ 6,18 0%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.013%
Bitcoin R$ 265.675,39 +2.269%
Bovespa 110.249,73 pontos +1.29%
Economia Alta nos preços

Veja lista dos produtos agrícolas que mais subiram em agosto

Do pimentão ao tomate, saiba qual hortaliça ficou mais cara

10/09/2021 10h53 Atualizada há 2 semanas
35
Por: Karoliny Dias Fonte: BNews
Veja lista dos produtos agrícolas que mais subiram em agosto

Os efeitos das geadas continuam refletindo no bolso do consumidor. Os preços das hortaliças dispararam no mês de agosto em relação a julho e alguns alimentos chegaram a ficar 20% mais caros.

É o caso, por exemplo, das altas registradas no pimentão (32,87%), abobrinha (31,22%) e pepino (23,09%), mostra o Índice de Preços ao Consumidor (IPCA), que mede a inflação oficial do país, divulgado nesta quinta-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O preço da batata-inglesa (19,91%) também subiu na casa dos dois dígitos em agosto em relação a julho, enquanto o tomate (3,85%) teve uma alta menor. Dentre as folhosas, os destaques ficaram com, alface, que subiu 8,81%, e com o repolho, que aumentou 12,8%.

Já frutas como limão (23,8%) e laranja-lima (11%) tiveram um impacto adicional da seca, informou Margarete Boteon, professora e coordenadora do Projeto Hortifruti Brasil, do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Veja a seguir os produtos agrícolas que mais subiram em agosto, em relação a julho:

Pimentão: 32,88%
Abobrinha: 31,22%
Limão: 23,79%
Pepino: 23,09%
Batata-inglesa: 19,91%
Tangerina: 13,81%
Repolho: 12,8%
Laranja-lima: 11%
Alface: 8,81%
Melancia: 7,53%
Café: 7,51%
Banana-prata: 5%
Açúcar refinado: 4,58%
Frango em pedaços: 4,47%
Tomate: 3,85%

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.