Sábado, 18 de Maio de 2024 16:50
75 9 9702 9169
Política Política

Filiação de Igor Kannário ao PSB causa polêmica

O cantor entrou na sigla com a promessa de ser candidato a vereador na eleição de 2024.

13/04/2024 08h46 Atualizada há 1 mês
Por: Karoliny Dias Fonte: Tribuna da Bahia
Foto: Jefferson Peixoto/Secom
Foto: Jefferson Peixoto/Secom

A filiação de Igor Kannário ao PSB continua causando polêmica. Agora, é a vez da deputada estadual Fabíola Mansur criticar o movimento. O cantor entrou na sigla com a promessa de ser candidato a vereador na eleição de 2024. "Vejo como uma surpresa desagradável. Eu soube pela imprensa, sem passar por instâncias municipais, presidida pela Cássia Magalhães. Com certeza é pragmatismo eleitoral, uma matemática constrangedora", criticou deputada em entrevista ao Portal M!.

O PSB, por sua vez, na Bahia disparou uma nota à imprensa para informar que não procedem os rumores de uma possível desfiliação do cantor Igor Kannário. "Como ocorre em toda legenda política, o ingresso do ex-vereador e ex-deputado federal tem a concordância de uns e a discordância de outros", ressalta a agremiação.

O PSB segue informando que "não houve consumação do processo de desligamento de Kannário do PSB e não procedem as notas sobre o assunto publicadas pela imprensa". Nos bastidores, uma ala do PSB discorda da filiação do cantor, que pode ameaçar a eleição de outros correligionários dada a base eleitoral que o artista tem.  O vice-presidente do PSB na Bahia, Rodrigo Hita, está irredutível e defende a permanência dele na agremiação.

Igor Kannário rompeu de vez com o grupo do prefeito Bruno Reis e migrou para a base do governador Jerônimo Rodrigues (PT). Ele já vinha trocando farpas com o gestor desde o Carnaval. Bruno, por sua vez, reagiu e declarou na ocasião que o cantor não perdia a oportunidade de "falar besteira".

Segundo fontes, com o movimento, o partido agora pode concentrar seus esforços nas pré-candidaturas dele e de Rodrigo Hita, caso Silvio Humberto seja escolhido para a vice de Geraldo Júnior (MDB).

Itabuna

Dirigente estadual do PSB, o engenheiro agrônomo João Carlos Oliveira foi nomeado secretário de Planejamento do município de Itabuna, no Sul do Estado. Quadro técnico e político, Oliveira acumula experiências em sua área, na Educação, como professor universitário e no Poder Executivo, tendo sido secretário de Estado nas pastas do Meio Ambiente e Agricultura. Também ocupou interinamente o comando da Secretaria do Turismo.

Em Itabuna, onde mora atualmente, espera contribuir com a administração municipal, onde ajudará o prefeito Augusto Castro (PSD), que busca se reeleger para mais um mandato.

João Carlos Oliveira atuou como diretor da Ceplac e do Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais da UESC; além de ser coordenador regional da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), na região Sul do Estado. Foi ainda professor da UNEB, avaliador do MEC/INEP para os cursos de Agronomia em todo o Brasil. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.