Quarta, 22 de Setembro de 2021 09:05
75 9 9842 0146
Feira de Santana Feiraguay

Com alto índice de acidentes, região do Feiraguay precisa de passarela e agentes orientadores de trânsito

Luiz da Feira menciona recente acidente ocorrido nas imediações

29/07/2021 19h26
28
Por: Fonte: PMFS
Com alto índice de acidentes, região do Feiraguay precisa de passarela e agentes orientadores de trânsito

A construção de uma passarela e a disposição de agentes orientadores de trânsito na avenida Rio de Janeiro, nas imediações do Feiraguay, são medidas necessárias para garantir a segurança da travessia de pedestres. A avaliação é do vereador Luiz da Feira (PROS), que chama atenção das autoridades competentes para o alto índice de acidentes na avenida, especialmente, na região próxima ao importante entreposto comercial de Feira de Santana.

O parlamentar afirma já ter convidado o superintendente Municipal de Trânsito, Cleudson Almeida, para analisar o fluxo do trânsito na região e o pouco tempo disponível para a travessia dos pedestres nos semáforos “de uma das avenidas mais movimentadas de Feira de Santana”. Ele ratifica a gravidade da situação ao observar que o local é próximo de bairros residenciais, nos quais os moradores vão andando pars do Feiragua o trabalho, como Feira X, Muchila, Jardim Acácia e Pedra do Descanso. Luiz da Feira também menciona o recente acidente ocorrido nas imediações, onde a vendedora de milho, Cleonice Maria da Silva, 35 anos, foi atropelada e arrastada por um caminhão. “É uma situação crítica”. 

Além dos moradores de bairros adjacentes, a região do entreposto também recebe um grande fluxo de pessoas de outras cidades que viajam à Feira de Santana para fazer compras no Feiraguay, observa o vereador Galeguinho (PSB). Com isto, há uma circulação ainda maior de pedestres, reforçando a necessidade das passarelas e agentes orientadores de trânsito. 

Outras solicitações para a construção do equipamento em importantes ruas e avenidas de Feira de Santana já foram encaminhadas pelo vereador Edvaldo Lima (MDB), no entanto, o parlamentar lamenta por nenhuma das demandas serem atendidas “porque pouco estão se lixando os governos que aqui comandam”.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.