Terça, 11 de Maio de 2021 14:32
75 9 9842 0146
Feira de Santana Câmara de Feira

Ameaças de senhor ninguém serão ouvidas, afirma Fernando Torres

De acordo com Fernando, as ameaças envolviam chantagens referentes à CPI das cestas básicas.

01/05/2021 05h23
11
Por: Gabriel Dallas Fonte: ASCOM CMFS
Ameaças de senhor ninguém serão ouvidas, afirma Fernando Torres
O vereador e presidente da Câmara Municipal, Fernando Torres (PSD), afirmou durante pronunciamento na tribuna da Casa esta semana que “ameaças de senhor ninguém serão ouvidas”. A declaração se refere a algumas ligações recebidas com tons de ameaça por algumas pessoas que trabalham na Prefeitura e são cargos de vereadores. 
 
“Ontem algumas pessoas da Prefeitura receberam ligações com ameaças. Só vou dizer que fui oposição a José Ronaldo durante 12 anos, inclusive ele é um excelente articulador, e não vejo problema nenhum em ser oposição por mais 3 anos e meio. Já briguei com uns e outros, e não vejo problema algum quando não estamos de acordo. Ameaças de senhor ninguém serão ouvidas. Se quiser conversar comigo venha me convencer, como faz o ex-prefeito José Ronaldo”, disse. 
 
De acordo com Fernando, as ameaças envolviam chantagens referentes à CPI das cestas básicas. “Algumass ameaças diziam que se não tirar a CPI, tal pessoa vai ser demitida. Dessa forma não. O vereador Paulão do Caldeirão tem dados concretos que merecem a instalação de uma CPI. Então não vai ser prefeito nem vereador nem ninguém que vai impedir nossas assinaturas”. 
 
Fernando garantiu tambem que, no futuro, haverá a sua assinatura na CPI do transporte público de Feira. Disse que merece ser instalada uma comissão sobre isso na Casa, exceto se “alguém conversar conosco e nos convencer que não tem necessidade de fazer uma nova CPI”. 
 
Disse que soube que tiveram pessoas ligadas ao vereador Zé Curuca (DEM) que foram demitidas e considerou “um absurdo”, orientando o colega a não aceitar este tipo de postura. “Não aceite, Zé Curuca, porque eu não aceito. Nossas decisões aqui não são vinculadas a nenhum currículo da Prefeitura, mas sim para contribuir com essa má administração de funcionários incompetentes que tem lá”. 
 
Sugeriu que o atual prefeito “faça igual ao ex-prefeito José Ronaldo: dialogue e convença, porque no convencimento nós podemos mudar de opinião, mas nessa ditadura, dessa forma que está aí, não. 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.